anoto sempre todas as frases que me fazem pensar. sento-me na última fileira detrás e com o queixo apoiado sobre a palma da mão, oiço e decoro os 'mil' eufemismos, as anáforas e alegorias que em mim revejo reflectidos, para mais tarde recitar em silêncio no caminho de regresso a casa.

6 commentaires:

cher Joana