é de facto uma pena que a nossa falta seja apenas sentida no instante em que é notada a nossa ausência... não devia ser assim, não devia.

2 commentaires:

  1. Concordo plenamente , e já sigo o teu blogue , passas pelo meu?

    beijinho , Dani *

    RépondreSupprimer
  2. Teu blog é lindo, parabéns!
    Vem conhecer o meu:

    leiakarine.blogspot.com

    RépondreSupprimer

cher Joana